Concurso TST: banca organizadora oficializada

Por • Publicado em • Atualizado em
https://www.centraldeconcursos.com.br/noticias/2017/1/concurso-tst-banca-organizadora-oficializada_2823.html
O concurso para os cargos de técnico e analista judiciários está previsto para este semestre; iniciais de até R$11.345,90

height="169"No Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (13/06), foi divulgado que o Tribunal Superior do Trabalho (TST) assinou o contrato de prestação de serviços com a banca organizadora do seu próximo concurso público, a Fundação Carlos Chagas (FCC). A expectativa é que o edital de abertura das inscrições para os cargos de técnico e analista judiciários seja divulgado ainda este mês.

A princípio, o concurso TST será para formação de cadastro reserva, com a convocação dos aprovados durante o prazo de validade da seleção. Entretanto, de acordo com as leis orçamentárias de 2015 e 2016, há um saldo de 74 cargos vagos no TST.

O concurso deverá conter as mesmas oportunidades de técnicos comtempladas pelas seleções anteriores, realizadas em 2007 e 2012. A carreira de técnico judiciário será dividida entre as especialidades Administrativa, que tem como exigência o nível médio; Segurança Judiciária, que requer nível médio ou nível médio/técnico e carteira de habilitação na categoria D ou E; e de Programação, que também exige o nível médio ou médio/técnico, além de curso de programação com no mínimo 120 horas/aula. Os vencimentos iniciais são de R$ 7.260,41.

Já para o cargo de analista judiciário as chances serão para as áreas administrativa (nível superior em qualquer área), judiciária (graduação em Direito), Contabilidade, Análise de Sistemas, Suporte em Tecnologia da Informação e Taquigrafia (superior em qualquer área). Os ganhos iniciais da carreira são de R$ 11.345,90.

Em novembro, os ganhos do técnico passam para R$ 7.592,53 e os do analista para R$ 11.890,82. Até janeiro de 2019, o técnico terá vencimentos de R$ 8.475,37 e o analista de R$ 13.339,30.

O anúncio do novo concurso havia sido feito pelo presidente do TST, o ministro Ives Gandra Martins Filho, durante a sessão de encerramento do ano judiciário de 2016. Ele acredita que a Justiça do Trabalho terá mais tranquilidade fiscal para desempenhar suas atividades neste ano. Com um orçamento previsto de R$20,1 bilhões (R$3 bilhões a mais do que em 2016), o tribunal poderá manter o funcionamento do judiciário trabalhista e, consequentemente, abrir o processo seletivo.

 

Processo seletivo

 

As provas serão realizadas em Brasília, no Distrito Federal, em horários distintos para os cargos de nível médio e superior, permitindo a participação do candidato em ambos os processos seletivos.

Os concorrentes aos postos de nível médio farão provas objetivas com questões de conhecimentos básicos (entre 50 e 100 itens) e de conhecimentos específicos (entre 70 e 100 itens). Os cargos de Técnico Judiciário, Área Administrativa, e prova prática de aptidão física para a Especialidade Segurança Judiciária também farão redação.

Para os candidatos do nível superior, também haverá provas objetivas com questões de conhecimentos básicos (entre 50 e 100 itens) e de conhecimentos específicos (entre 70 e 100 itens), além de exame discursivo sobre conhecimentos específicos aplicados e prova prática para as carreiras de Analista Judiciário, Área Apoio Especializado, Especialidade Taquigrafia.

O conteúdo programático deverá levar em consideração o detalhamento a ser apresentado pela comissão responsável pelo certame. O prazo de validade do concurso será de dois anos, prorrogável uma vez por igual período.
 

Último concurso TST


O último concurso Tribunal Superior do Trabalho foi realizado em 2012. Foram 77.887 inscritos para uma oferta de 37 vagas imediatas e formação de cadastro reserva para os cargos de técnico e analista judiciários.

O processo seletivo foi feito por meio de prova objetiva com 60 questões sobre conhecimentos básicos (30) e conhecimentos específicos (30) para o cargo de técnico. Já para o posto de analista, a avaliação objetiva contou com 60 questões sobre conhecimentos básicos (20) e específicos (40), além de uma prova de redação. Na ocasião, a banca organizadora foi a Fundação Carlos Chagas (FCC).

Entre em contato:
Unidade República

República

(11) 3017-8800

Unidade Artur Alvim

Artur Alvim

(11) 2045-8800

Unidade Campinas

Campinas

(19) 3737-8800

Unidade Guarulhos

Guarulhos

(11) 2447-8800

Unidade Osasco

Osasco

(11) 2284-8800

Unidade Santo Amaro

Santo Amaro

(11) 5189-8800

Unidade Santo André

Santo André

(11) 4437-8800

Unidade Cursos Online

Cursos Online

(11) 3017-8850

Tags: tst , analista , tecnico , vagas , concurso previsto , fcc , fundaçao carlos chagas

envie informações sobre: Concurso TST: banca organizadora oficializada imprima informações sobre: Concurso TST: banca organizadora oficializada

Cadastre-se

  • Receba informações sobre cursos, apostilas, palestras e promoções para o concurso TST - Tribunal Superior do Trabalho
icone concurso

Concursos relacionados

icone noticia

Notícias relacionadas