Central de Concursos
  • Publicado em 06/03/2013 15h28
O Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ) divulgou nesta quarta, dia 6 de março, o resultado do concurso para a área de apoio. A listagem traz a relação dos habilitados, com a respectiva classificação, após a realização das provas objetivas e discursivas e de redação para os cargos de técnico judiciário - área administrativa, analista judiciário - área judiciária - execução de mandados e e analista judiciário - áreas administrativa e judiciária. Foi considerado aprovado no exame de múltipla escolha o candidato que obteve o minímo de 200 pontos, levando-se em consideração a fórmula de desvio padrão exemplificada no item 4 do capítulo VIII do edital. Só foram corrigidas as redações de quem ficou classificado entre os 800 primeiros para o cargo de analista judiciário da área judiciária; 400 para analista judiciário em execução de mandados; 400 para analista da área administrativa e mil para técnico judiciário da área administrativa (incluindo os empates).

O resultado dos demais candidatos estará disponível, ainda nesta quarta, 6, por meio de consulta individual, no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora da seleção. Quem discordar do resultado poderá interpor recursos na quinta, 7, e sexta, 8, pelo site da FCC. A vista da folha de respostas da prova objetiva, da prova discursiva e da redação também poderá ser consultado no portal da organizadora. A FCC também deverá liberar nesta quarta os gabaritos definitivos. os pontos referentes a eventuais anulações foram atribuídos a todos os candidatos.

O concurso, que reuniu 97.069 inscritos, oferece 43 vagas iniciais, porém, como afirmou o presidente da comissão organizadora do concurso, desembargador Cesar Marques Carvalho, ao longo da validade da seleção (de dois anos, podendo dobrar) estão programadas muitas aposentadorias. Com isso, muitas vagas irão se abrir e o número de convocados pode chegar a 600 ainda neste ano. As remunerações variam de R$4.762,96 a R$10.195,05, incluindo R$710 do auxílio-alimentação. O regime de contratação é o estatutário.

Fonte: Folha Dirigida
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias