• Por: Yuri Salso - Publicado em 24/09/2018 12h40 - Atualizado em 24/09/2018 14h00
Imagem sala de aula
 
Mais um concurso público autorizado com oportunidades para a área da educação no estado de São Paulo! No último sábado, 22 de setembro, foi publicado no Diário Oficial portaria autorizativa de uma nova seleção para a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo (SME-SP), com 1.109 vagas para auxiliar técnico de educação.
 
Para concorrer ao cargo é necessário ensino médio completo ou curso técnico. O piso atual da carreira é de R$ 1.444,17, para uma carga horária de trabalho de 40 horas semanais. 
 
O próximo passo para a realização do concurso é formar uma comissão responsável pela seleção, seguido pela escolha da banca organizadora, que terá a função de elaborar o edital de abertura. 
 

Atribuições do cargo 

 
O auxiliar técnico da SME-SP pode atuar em duas áreas. A primeira delas é na inspeção escolar, na qual o auxiliar deve dar atendimento e acompanhamento aos alunos nos horários de entrada, saída, recreio e em outros períodos em que não houver a assistência do professor; comunicar à direção da escola eventuais enfermidades ou acidentes ocorridos com os alunos, bem como outras ocorrências graves; participar de programas e projetos definidos no projeto político-pedagógico da unidade educacional que visem à prevenção de acidentes e de uso indevido de substâncias nocivas à saúde dos alunos; entre outras atividades.
 
A segunda área estabelece atuação na área de serviços de secretaria, que conta com as seguintes atividades: receber, classificar, arquivar, instruir e encaminhar documentos ou expedientes de funcionários e de alunos da escola, garantindo sua atualização; controlar e registrar dados relativos à vida funcional dos servidores da escola e à vida escolar dos alunos; digitar documentos, expedientes e processos, inclusive os de natureza didático-pedagógica; entre outras atividades.
 

Último concurso foi em 2013

 
O último concurso para auxiliar técnico de educação da SME-SP foi realizado em 2013 e contou com uma oferta de 493 vagas. A seleção, que teve a Cetro Concursos como banca organizadora, contou com uma prova objetiva composta por 60 questões de múltipla escolha, sendo 15 de português, 15 de matemática, 10 de conhecimentos gerais e atualidades, 10 de noções de informática e 10 de legislação.
 
Além disso, os candidatos tiveram que responder três questões dissertativas abordando situações-problema relacionadas ao conteúdo programático e às atribuições do auxiliar técnico de educação.
 

Outras Notícias