Central de Concursos
  • Publicado em 24/02/2014 00h00
O concurso de auditor fiscal tributário municipal da Secretaria de Finanças de São Paulo pode contar com um total de 198 nomeações durante o seu prazo de validade. No último sábado, dia 22, o prefeito Fernando Haddad sancionou a lei que cria 100 novos cargos para a categoria, que agora conta com um quadro previsto por lei de 843 servidores. Os novos postos devem se juntar às 98 vagas já autorizadas para o próximo concurso público. Além da criação, o texto também reajusta algumas gratificações recebidas pelos servidores.
 
Com a sanção da lei, a expectativa é de que a comissão organizadora do concurso conclua nas próximas semanas o processo de elaboração do edital. O grupo formado por membros da pasta e da Secretaria de Planejamento Orçamento e Gestão já trabalha no processo de escolha da organizadora para que possa ser definido o cronograma do concurso. De acordo com fontes ligadas ao gabinete da Secretaria de Finanças, a previsão é de que o edital seja publicado até o mês de março.
 
 
A remuneração da categoria chega a R$11,5 mil em início de carreira, somando o salário base a as gratificações. Para concorrer é necessário possuir ensino superior completo em qualquer área. O intervalo de pouco mais de um ano entre a homologação do último concurso, publicada em junho de 2012, e a autorização do novo se deve à nomeação de todos os aprovados na última seleção, durante o prazo de validade do concurso.
 
ESPECIALISTA
O concurso contará com outras 100 vagas, que serão destinadas ao cargo de especialista em administração, orçamento e finanças públicas – ciências contábeis. O salário inicial da categoria é de R$1.857,26. A carreira ainda conta com gratificações de desempenho. Para concorrer é necessário superior em ciências contábeis, ou ciências atuariais e registro no respectivo conselho de classe. O último concurso foi realizado em 2010.
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias