Central de Concursos
  • Publicado em 20/03/2013 10h17
Foi dado mais um grande passo rumo ao concurso do Ministério Público da União (MPU): o Cespe/UnB (Fundação Universidade de Brasília) foi escolhido, por meio de dispensa de licitação, para ser o organizador do concurso para técnico (nível médio) e analista (superior).

De acordo com a Diretoria de Comunicação do órgão, a previsão é de que o edital seja divulgado em abril, possivelmente na primeira quinzena. A oferta de vagas do concurso deverá ser anunciada nos próximos dias, mas é certo que, além das oportunidades imediatas, haverá formação de cadastro de reserva, para ser utilizado durante o prazo de validade da seleção, que deverá ser de um ano, prorrogável por igual período.

Sabe-se, entretanto, que todos os estados deverão ser contemplados. O extrato de dispensa de licitação para a escolha da organizadora informa que o concurso será para técnico administrativo, que exige apenas o nível médio, e analista processual, aberto a graduados em Direito. No entanto, o MPU ainda não informou se outras especialidades serão ou não contempladas.

Com a definição do Cespe/UnB como organizador, o próximo passo agora será a definição do cronograma do concurso.

Atualmente, as remunerações iniciais para os servidores é de R$5.345,03 (técnico) e R$8.276,42 (analista), incluindo o auxílio-alimentação, de R$710, entre outros benefícios.

A contratação ocorrerá pelo regime estatutário, ou seja, com garantia de estabilidade. As provas devem ser marcadas em até 90 dias após a divulgação do edital, ou seja, final de julho.

Os selecionados vão atuar em um dos seguintes ramos que compõe o MPU: Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público Militar (MPM), Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) e Ministério Público do Trabalho (MPT).

Em 2010, ano da última seleção, houve vagas para as áreas Administrativa, Controle Interno, Orçamento, Edificação, Segurança, Transporte, Informática, Técnico Odontológico e Enfermagem, no caso de técnico. Já para analista, as oportunidades foram para os setores Administrativo, de Antropologia, Arquitetura, Comunicação Social, Engenharia, Informática, entre outros.

Fonte: Folha Dirigida
blog

Outras Notícias