Central de Concursos
  • Publicado em 25/05/2012 11h29
Saiu a portaria do Ministério do Planejamento autorizando a realização de concurso para 825 vagas de analista técnico de políticas sociais da carreira de Desenvolvimento de políticas sociais, cargo que exige formação superior ou título de pós-graduação lato ou stricto sensu, nas modalidades de especialização, mestrado ou doutorado. A remuneração inicial é de R$4.270,53, incluindo o auxílio-alimentação de R$304.

As oportunidades serão distribuídas por diversos ministérios e secretarias do governo federal, abrangendo as áreas de Gestão Social, Previdência, Assistência Social, Educação e Saúde. A responsabilidade do concurso ficará cargo da Secretaria Executiva do Ministério do Planejamento.

De acordo com a portaria que autorizou o concurso, o edital de abertura de inscrições deverá divulgado no prazo de até seis meses, ou seja, novembro. No entanto, é comum os órgãos federais liberarem o documento bem antes do limite estipulado.

O provimento das vagas está condicionado à extinção de 630 postos de trabalho de consultores contratados por meio de organismos internacionais que atuam nas áreas finalísticas do Ministério da Saúde e da totalidade dos postos de trabalho terceirizados que estão em desacordo com a legislação vigente no Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.
blog

Outras Notícias