Central de Concursos
  • Publicado em 06/02/2013 16h12
O Ministério do Planejamento autorizou nesta quarta, dia 6 de fevereiro, a realização de concurso e o provimento de 532 vagas de professor e 236 vagas em cargos técnico administrativos, para os quadros do Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet-RJ), do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG), do Colégio Pedro II (no Rio de Janeiro) e das escolas técnicas e colégios de aplicação vinculados às universidades federais.

Segundo a Portaria nº25 do Ministério do Planejamento, as instituições terão três meses para divulgar os editais, ou seja, até 6 de maio. Ainda de acordo com a publicação, parte das vagas poderá ser preenchida por meio de aprovados em concursos já realizados e que continuam vigentes. O quantitativo de vagas destinado a cada instituição federal de ensino ainda será informado pelo Ministério da Educação, por meio de portaria que deverá ser publicada em breve no Diário Oficial da União.

Segundo a Tabela dos Servidores Públicos Federais, as remunerações para os cargos técnico administrativos são de R$2.877,81 (classe C; níveis fundamental ou médio), R$3.469,45 (classe D; níveis médio e médio/técnico) e de R$5.454,25 (classe E; nível superior). Os valores já incluem R$373 de auxílio-alimentação. Já para professor, os valores para dedicação exclusiva são de R$3.067,66 (aperfeiçoamento), R$3.244,88 (especialização), R$4.362,48 (mestrado) e R$6.350,77 (doutorado).

Para 40 horas semanais, são de R$2.271,28 (aperfeiçoamento), R$2.356,41 (especialização), R$2.894,29 (mestrado) e de R$3.825,89 (doutorado). Já os docentes com carga de 20 horas semanais ganham R$1.652,20 (aperfeiçoamento), R$1.711,80 (especialização), R$1.780,52 (mestrado) e R$2.217,78 (doutorado).

Fonte: Folha Dirigida
blog

Outras Notícias