• Por: Yuri Salso - Publicado em 18/04/2016 13h42 - Atualizado em 28/06/2016 12h38
O pedido de abertura de um novo concurso público para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) teve novas movimentações. Após o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) ter enviado o pedido ao Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA), que agora gere o INSS, para saber se era desejo da pasta dar continuidade à solicitação, o MDSA deu o sinal verde. 
 
Após passar pela Coordenação de Documentação e Informação, Assessoria Técnica e Administrativa e Secretaria Executiva, agora a solicitação encontra-se com assessores da Assessoria Técnica
 
A expectativa é que as 7.351 vagas (1.530 para perito médico previdenciário3.627 para técnico do seguro social e 2.194 para analista do seguro social) do novo concurso sejam distribuídas entre os municípios que não foram contemplados no último concurso INSS, que ainda está em andamento.
 

Nova solicitação concurso INSS

 
18/04/2016 | O Ministério do Trabalho e Previdência Social (MPTS) solicitou ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) a abertura de um novo concurso público para o preenchimento de 7.351 vagas no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Do total de oportunidades, 1.530 são para o cargo de perito médico previdenciário e 5.821 para técnico e analista do seguro social. 
 
Com a divulgação do decreto 8.691, no Diário Oficial da União (DOU) do dia 15 de março, o INSS precisará se reorganizar para receber as alterações no Regulamento da Previdência Social (RPS). As mudanças são: a concessão do benefício com base no atestado do médico assistente, regulamentação para o retorno antecipado ao trabalho e o convênio com o SUS (Sistema Único de Saúde). Essa determinação faz com que a demanda de funcionários precise aumentar para melhorar o atendimento às pessoas.
 
O cargo de técnico do seguro social tem vencimentos iniciais de R$ 5.344 e exige certificado de conclusão do ensino médio. Já para analista do seguro social, é aceito nível superior em diversas áreas (administração, pedagogia, psicologia, comunicação, ciências contábeis, engenharia, direito, arquitetura, serviço social, letras, entre outros) e conta com iniciais de R$ 7.954.
 
 
A vaga de perito médico previdenciário requer formação em medicina e registro regular no Conselho Regional de Medicina. Os vencimentos são de R$ 8.988
 
Vale lembrar que todas essas novas oportunidades não têm ligação com o concurso do INSS para técnico e analista que está em andamento.
 
 
O INSS está com um processo seletivo em curso, organizado pelo Cespe/UnB. São 950 oportunidades para diversas cidades em todos os Estados, sendo 800 vagas para técnico e 150 para analista.
 
O resultado final da prova objetiva do concurso INSS 2016 pode ser conferido clicando aqui

Outras Notícias