Central de Concursos
  • Publicado em 05/08/2014 10h58

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro)  segue definindo a instituição que ficará responsável por receber as inscrições e aplicar as provas do concurso para 80 vagas em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior. Tão logo essa etapa for vencida, a autarquia dará detalhes da seleção, tais como o cronograma. Além disso, estão definição as áreas que serão abrangidas pelo concurso. Embora a instituição tenha até o dia 28 de novembro para publicar as regras do concurso, o coordenador-geral de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas do Inmetro, Paulo Roberto Rodrigues, afirmou que a intenção da autarquia é publicar o documento até, no máximo, outubro, antecipando assim o prazo estabelecido pela portaria autorizativa do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG).

No nível médio serão 19 oportunidades para assistente executivo em metrologia e qualidade, e no médio/técnico, nove para técnico em metrologia e Já no superior, haverá 39 vagas para analista executivo em metrologia e qualidade, 11 para pesquisador-tecnologista em metrologia e duas para especialista em metrologia e qualidade sênior (exigência de doutorado há pelo menos dez anos). Os ganhos serão, inicialmente, de R$3.189,10 para os assistentes e técnicos, de R$7.248,77 para os analistas e pesquisadores e de R$16.212,06 para os especialistas. Todos esses valores, porém, serão reajustados, já que as contratações ocorrerão no ano que vem. A oferta maior de vagas - cerca de 80% delas - será para a sede do Inmetro, no Rio de Janeiro, nos campi do Rio Comprido e Xerém, em Duque de Caxias. As duas superintendências da autarquia, no Rio Grande do Sul e em Goiás, também serão contempladas. Os novos servidores terão a estabilidade empregatícia garantida, graças ao regime estatutário de contratação.

 

blog

Outras Notícias