Central de Concursos
  • Publicado em 13/05/2011 00h00
Após 35 dias de paralisação dos professores da rede estadual no ano passado, o governo concederá um reajuste de até 42% para 390 mil servidores do Estado de São Paulo. O aumento será dividido em quatro vezes entre julho deste ano e julho de 2014, segundo anúncio feito pelo governador Geraldo Alckmin na última quarta-feira (11/05). Essa é uma boa notícia para a categoria, que estava sem reposição desde 2008, quando foi concedido um reajuste de 5%.

Além do reajuste, a educação no Estado receberá um reforço para o desenvolvimento das atividades pedagógicas com a criação de novos cargos. O governo criou o cargo de Gerente Escolar, uma espécie de gerente administrativo da escola, com o objetivo de liberar o atual diretor escolar dessa função, para que este possa se concentrar mais nos assuntos pedagógicos. Outro cargo é o de Agente de Organização Escolar, que deverá atuar na orientação dos alunos e no controle do cumprimento das normas escolares. Será aberto um concurso público para preenchimento de 10 mil vagas de Agente de Organização Escolar e 5.260 vagas de Gerente Escolar.
blog

Outras Notícias