Central de Concursos
  • Publicado em 10/10/2014 00h00

Até o fim deste mês. Esse é o prazo previsto para a divulgação do edital do concurso da Empresa de Tecnologia da Previdência Social (Dataprev). A informação é da Assessoria de Imprensa do organizador, escolhido recentemente, o Instituto Quadrix. Com o contrato entre as partes já assinado, os demais preparativos da seleção deverão ser acelerados, de modo que a publicação das normas do concurso seja feita mesmo em outubro. O concurso será destinado à formação de cadastro de reserva, com 10% de reserva para deficientes.
 

O nível médio/técnico abrangerá os cargos de auxiliar de enfermagem do trabalho e técnico de segurança do trabalho. Já aqueles que tiverem graduação poderão concorrer às funções de analista de tecnologia da informação, analista de processamento, engenheiro de segurança do trabalho e médico do trabalho. Todas as áreas que serão abrangidas no certame podem ser conferidas na tabela publicada nesta página. 
 

Para as duas funções do nível médio/técnico a remuneração inicial será de R$2.923,61. Para o superior, os ganhos serão de R$4.777,98 para os analistas, R$5.974,20 para os médicos e R$6.977,75 para os engenheiros. Em todos os valores estão inclusos os R$672,70 de auxílio-alimentação/refeição. Já as cargas de trabalho serão de 20h (médicos), 30h (analistas de processamento e auxiliares) ou 40h (analistas de tecnologia da informação e técnicos) semanais.
 

A verificação dos conhecimentos dos participantes será por meio de avaliações objetivas e discursivas, além de contagem de títulos, da mesma maneira que ocorreu no certame de 2012, último da empresa. Esses exames serão aplicados nas mesmas localidades onde destinam-se as lotações. As taxas de inscrição serão de R$50 para os técnicos e auxiliares, e de R$80 para os cargos de nível superior.
 

A lotação dos concursados ocorrerá em 12 localidades: Rio de Janeiro, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. O regime de contratação é o celetista, e o prazo de validade do certame, de dois anos, podendo dobrar. 

blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias