• Por: Jornal O Correio - Publicado em 21/01/2019 11h18 - Atualizado em 21/01/2019 13h05
País tem, ao todo 28.846 vagas distribuídas em 113 concursos (Foto: Evandro Veiga/ Arquivo CORREIO)
País tem, ao todo 28.846 vagas distribuídas em 113 concursos (Foto: Evandro Veiga/ Arquivo CORREIO)
 

Muitos concurseiros observam apenas as vagas que exigem escolaridades de nível médio e superior. Porém, também há muitas vagas para profissionais técnicos com ofertas de salários mais atrativos do que a iniciativa privada, além da estabilidade garantida. No momento, são pelo menos 12 processos seletivos com vagas para técnicos que somam ao todo 216 oportunidades em todo país (confira na tabela abaixo). 
 
“A preparação para cargos de nível técnico exige, no mínimo, cinco meses de estudos intensos. A recomendação é que se inicie a preparação com a maior antecedência possível, de forma que o candidato possa revisar todo o conteúdo que aprendeu repetidas vezes”, diz o diretor da Central de Concursos, professor e coach de carreira, Gabriel Henrique Pinto. 
 

Instituição

Vagas gerais

Vagas técnicas

Salário

Escolaridade

Prazo

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia sul-rio-grandense (IFSul)

14

10

R$ 3.559,70

Médio, Superior e Técnico

31/01

Prefeitura de Tacuru

82

06

R$1.919,80

Fundamental, Médio, Técnico e Superior

31/01

Prefeitura de São João da Fronteira (PI)

20

03

R$ 10 mil

Médio, Técnico e Superior

28/01

Fundação Cultural de Foz do Iguaçu (PR)

21

05

R$3.656,23

Fundamental, Médio, Técnico e Superior

27/01

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA)

29

12

R$16.457,47

Médio, Técnico e Superior

24/01

Prefeitura de Lebon Régis (SC)

27

06

R$ 3.949,47

Fundamental, Médio, Técnico e Superior

23/01

Superintendência Autônoma de Água e Esgoto de Rio Pardo (SAERP)

18

10

R$1.591,9

Fundamental, Médio, Técnico e Superior

22/01

Prefeitura de Itapuí (SP)

06

02

R$2.607,87

Médio, Técnico e Superior

21/01

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB)

218

38

R$ 9.600,92

Médio, Técnico e Superior

18/02

Prefeitura de Abaeté (MG)

145

12

R$2.130,06

Alfabetizado, Fundamental, Médio, Técnico e Superior

14/02

Câmara Municipal de São Luís (MA)

116

62

R$2.565,05

Médio, Técnico e Superior

06/02

Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

127

50

R$4.180,66

Médio, Técnico e Superior

25/02

 

Entre os certames que mais se destacam em volume de vagas estão o da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e da Câmara Municipal de São Luís (MA). São 62 e 50 respectivamente, quase a metade do montante ofertado em ambas as instituições.
 
“As provas (para nível técnico) costumam exigir matérias básicas (Português, Matemática, Raciocínio Lógico, Informática e Direito Constitucional), comuns a todos os concursos, e matérias específicas, relacionadas com a carreira do cargo público”, explica o especialista. 
 
Na Universidade Federal da Paraíba, o cadastro pode ser feito no site da banca organizadora do concurso, o Instituto AOCP. A taxa de inscrição custa R$ 45 para nível técnico (intermediário), R$ 60 para nível médio e R$ 85 para nível superior. 
 
Para os interessados nas vagas oferecidas pela Câmera Municipal de São Luís, o prazo termina no próximo dia 2 de fevereiro. As inscrições podem ser feitas através do site www.fsadu.org.br. Os valores da taxa de participação são de R$ 75 (ensino médio e curso técnico) e R$ 110 (formação superior). 
 

Mais vagas

 
O Brasil tem atualmente 113 concursos com inscrições abertas que reúnem 28.846 vagas. O maior salário está no Tribunal de Justiça do Acre. São 15 vagas para juiz com remuneração de R$ 30.404,41. A taxa é de R$ 304,04. Mais informações em www.vunesp.com.br. 
 
No estado da Bahia, são três concursos públicos abertos e que somam 296 vagas. São os certames da Universidade do Recôncavo (UFRB), Universidade Federal da Bahia (UFBA) e o da Prefeitura de Cachoeira. O maior salário está na UFRB: R$ 9.600,92. Mas não perca tempo: as inscrições terminam nesta sexta-feira (25). 
 

Mantenha a produtividade

 
Crie uma rotina Estabeleça os horários de estudo considerando todos os seus afazeres do dia a dia. Adapte seu estudo ao seu cotidiano e o tenha como um  compromisso sério. Desta forma, nos horários de estudo você estará indisponível para outras atividades e não sofrerá distrações.
 
Preparação Prepare-se de maneira tranquila e consciente para o concurso sem se importar com o número de candidatos. O importante é que você esteja bem preparado. Certifique-se do conteúdo que irá cair nas provas, selecione os livros e apostilas para o seu estudo. Avalie o tempo disponível e faça uma distribuição racional do tempo.
 
Estudo permanente Estude permanentemente e não apenas visando a este ou àquele concurso. Muitas vezes surgem oportunidades na qual você terá de mostrar o seu desempenho e estando bem preparado, com certeza, estará em melhor condição do que muitos de seus concorrentes.
 
Trace metas A motivação é fundamental. Uma dica  é usar o edital do concurso (ou do concurso anterior, se ainda não houver publicação do novo edital) como guia. Conforme você revisa determinada matéria em casa, grife aquele conteúdo na sua cópia do edital. Quando tudo estiver grifado você estará pronto para a prova.
 
 

Outras Notícias