Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 02/06/2016 16h58 - Atualizado em 02/06/2016 17h16
 
A partir deste mês, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (SEE/SP) começará a divulgar os editais com ofertas de 4.148 vagas no magistério, divididas entre as funções de diretor de escola (1.878), supervisor de ensino (270), professor de educação básica I (500) e professor de educação básica II (1.500). 
 
As oportunidades para os cargos de professor de educação básica I e II (PEB I e II) fazem parte das 3.061 vagas temporárias autorizados pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, no fim do mês de abril. 
 
Além das 2.000 vagas reservadas à área de magistério, os outros cargos ofertados são os de agente de organização escolar (990) e agente de serviços escolares (71). Para ambos os cargos, os ganhos iniciais são de R$1.026, fora o auxílio-alimentação de R$176.
 
Os editais dessas 3.061 ofertas de contratação temporária serão publicados de maneira independente por cada diretoria de ensino.
 

Vagas e remunerações

 
As 2 mil vagas temporárias destinadas às carreiras de professor de PEB I e II exigem formação superior, com licenciatura na área de atuação. Os vencimentos iniciais são de R$1.565 e R$1.811, podendo chegar a R$3.148 e R$3.644, respectivamente, com as evoluções possíveis na carreira.
 
Para o quadro permanente de servidores, serão liberadas 2.148 vagas, sendo 1.878, já autorizadas, para diretor de escola e 270 para supervisor de ensino. 
 
Com iniciais de R$3.834 e de R$5.964 para aqueles que desempenharem a função em tempo integral, o cargo de diretor de escola exige licenciatura plena em pedagogia ou pós-graduação na área de educação e 8 anos de experiência em magistério. Já a carreira de supervisor de ensino, além dos 8 anos de experiência no magistério, exige também licenciatura plena em pedagogia ou pós-graduação na área de educação e o adicional de experiência mínima de 3 anos em algum cargo de gestão educacional. Os vencimentos iniciais são de R$4.378.
 

Expectativa

 
A presidente da comissão responsável pelos dois concursos, Maria Stella Perin, informou que os editais devem sair o quanto antes para que as contratações ocorram no começo do período letivo de 2017. É provável os certames tenham a mesma banca organizadora. 
 
blog

Outras Notícias