Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 28/03/2018 10h29 - Atualizado em 28/03/2018 12h46
Acabam de ser divulgados os gabaritos preliminares e os cadernos de questões da prova objetiva realizada no último domingo, dia 25, para o cargo de escrevente do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo. Os documentos estão disponíveis no site da Fundação Vunesp, banca organizadora responsável pelo processo seletivo. A consulta é individual, por meio do CPF do candidato. 
 
Aqueles que não concordarem com o gabarito de alguma questão poderão entrar com recurso. O pedido deve ser enviado também pelo site da Vunesp, por meio de preenchimento de formulário específico, entre os dias 29 de março e 2 de abril.
 
Com mais de 168 mil inscritos, o concurso TJ-SP visa preencher 235 vagas de escrevente técnico judiciário em regiões administrativas do interior e litoral de São Paulo, contemplando praticamente todas as comarcas do estado (exceto Campinas e capital). O cargo oferece remuneração inicial (salário mais benefícios) de R$ 6.271,26.
 

Gabaritos preliminares concurso TJ-SP

 

Concurso TJ-SP

 
O concurso TJ-SP está dividido em duas etapas. A primeira delas, composta por uma prova objetiva com 100 questões de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório, foi aplicada no último dia 25 de março. As questões foram divididas da seguinte forma:
 
BLOCO I
Língua Portuguesa: 24 questões
 
BLOCO II 
Conhecimento em Direito (Direito Processual Civil, Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Normas da Corregedoria Geral da Justiça): 40 questões
 
BLOCO III
Conhecimentos Gerais (atualidades, matemática, informática e raciocínio lógico): 36 questões
 
Os blocos de Língua Portuguesa e Direito têm caráter eliminatório, enquanto o terceiro apenas classificatório. Cada região administrativa terá sua própria nota de corte, que será divulgada no site da Vunesp, junto com a convocação para prova prática.
 
De acordo com o edital de abertura do concurso TJ-SP, 1.200 candidatos serão convocados para a segunda etapa da seleção, composta por uma prova prática de formatação e digitação. Nesta etapa, os concorrentes serão avaliados de zero a dois pontos na parte de formatação e terão cinco minutos para concluir o exame. Já a digitação (cópia de um texto impresso de aproximadamente 1.900 caracteres em no máximo 11 minutos) será avaliada de zero a oito pontos.
 
Os detalhes sobre data, locais e horários da prova prática serão divulgados por meio de edital de convocação.
 
 
 
blog

Outras Notícias