Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 17/06/2020 15h03 - Atualizado em 17/06/2020 16h12
Edital do novo concurso Senado deve sair ainda em 2020 (Foto: Divulgação)

Cresce a expectativa pela publicação do aguardado concurso Senado Federal. O processo está em fase de definição da banca organizadora, que deve ser anunciada no decorrer dos próximos dias, ainda em junho, de acordo com declaração recente do presidente da comissão organizadora, Roberci Ribeiro de Araújo. Somente após este procedimento poderá ser confirmada a data de início da seleção. A intenção é concluir o certame ainda em 2020.

O processo de escolha da banca vem ocorrendo desde 18 de maio, quando publicado o aviso de chamamento público para que as empresas interessadas em organizar a seleção apresentassem suas propostas. De acordo com o presidente da comissão, "com base nos dados recebidos pelas bancas será possível identificar os custos do certame, bem como valores de taxas de inscrição. Esse é um procedimento interno de instrução da contratação O intuito é identificar o preço médio e, com base nos aspectos técnicos jurídicos, econômicos, financeiros, fiscais e trabalhistas, saber quais instituições demonstram melhores condições de executar o concurso" — explicou Roberci.  

LEIA TAMBÉM:


Ao todo serão oferecidas 40 vagas efetivas, sendo 24 para cargos com exigência de ensino médio e 16 de nível superior, com remunerações iniciais que variam de R$ 18.591,18 a R$ 32.020,77. Além disso, a seleção também será destinada a formar cadastro reserva de pessoal. 

Candidatos com o ensino médio poderão concorrer a 24 vagas para técnico legislativo nível II. O cargo garante ganhos iniciais de R$ 18.581,18, valor composto pelo salário de R$ 4.257,57, gratificação de atividade legislativa de R$ 9.366,62, gratificação de representação de R$ 2.412,45 e gratificação de desempenho de R$ 2.554,54.

Quem possui o nível superior, pode tentar uma das 12 vagas para analista legislativo, distribuídas entre as seguintes áreas: 2 para administração, 1 para arquivologia, 1 para assistente social, 1 para contabilidade, 1 para enfermagem, 1 para informática legislativa, 2 para processo legislativo, 1 para registro e redação parlamentar, 1 para engenharia do trabalho e 1 para engenharia eletrônica e telecomunicações. Os vencimentos iniciais são os mesmos para todas as carreiras: R$ 24.782,47, incluindo salário de R$ 6.550,09, gratificação de atividade legislativa de R$ 10.339,10, gratificação de representação de R$ 3.963,33 e gratificação de desempenho de R$ 3.930,05.

Há, ainda, 4 vagas para advogados. Neste caso, a remuneração inicial é de R$ 32.020,77, incluindo salário de R$ 7.627,60, gratificação de atividade legislativa de R$ 14.302,42, gratificação de representação de R$ 5.514,19 e gratificação de desempenho de R$ 4.576,56.

Aqueles que forem aprovados no concurso Senado Federal terão direito ainda a outros benefícios, como auxílio-alimentação de R$ 924,16, auxílio-transporte e assistência saúde.

A comissão do concurso é presidida pelo servidor Roberci Ribeiro de Araújo, tendo como vice-presidente o servidor Kleber Minatogau. Agora, além de Beatriz Balestro Izzo e João Pedro de Souza Lobo Caetano, integram a comissão Leonardo Souza de Oliveira, Rafael Pimente Weitzel, Roberci Ribeiro de Araújo e Rodrigo Galha.  Saiu do grupo o servidor Everaldo Bosco Rosa Moreira.

Um ponto importante, confirmado recentemente pelo presidente da comissão, é que a aplicação das provas ocorrerá em todas as capitais. "A exemplo dos certames de 2008 e 2011, a possibilidade maior é de que a prova, ou pelo menos a primeira fase objetiva, seja disponibilizada em todas as capitais brasileiras", disse.

Edital Senado Federal - Saiba como foi o último concurso
  
O último concurso Senado Federal foi realizado em 2011. Com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) como banca organizadora, a seleção ofertou 246 vagas, sendo 133 para o cargo de analista legislativo em diversas áreas, 9 para consultor legislativo em diversas áreas, 79 para técnico legislativo em diversas áreas e 25 para técnico legislativo na área de polícia legislativa.

A primeira etapa da seleção, composta por provas objetiva e discursiva, foram aplicadas em todas as capitais do país. Os exames objetivos contaram com 70 ou 80 questões de múltipla escolha, de acordo com o cargo. Já as provas discursivas foram compostas por uma redação e uma pergunta de tema específico.


Resumo do Concurso Senado Federal

Senado Federal
Vagas: 40
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Técnicos e Analistas
Áreas de Atuação: Administrativa, Operacional
Escolaridade: Não definido
Faixa de salário: De R$ 18.591,00 Até R$ 32.020,00
Estados com Vagas: DF

*Com informações do JC Concursos
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias