• Por: Yuri Salso - Publicado em 09/11/2018 12h09 - Atualizado em 09/11/2018 16h19
Está confirmada a data de publicação do edital de abertura concurso SEE-SP para 372 vagas de supervisor de ensino. De acordo com a própria Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE-SP), o documento será publicado no Diário Oficial do Estado do próximo dia 22 de novembro. A SEE-SP já confirmou também que as provas objetivas serão aplicadas no dia 24 de março de 2019.
 
Apesar de duas das principais datas do concurso SEE-SP já terem sido divulgadas, ainda falta definir qual será a banca organizadora. Para que os prazos sejam cumpridos, a Secretaria deve divulgar o nome da instituição nos próximos dias.
 
As 372 vagas do concurso SEE-SP serão preenchidas em função da necessidade das 91 Diretorias Regionais de São Paulo. Para concorrer a uma delas é preciso ter licenciatura plena em Pedagogia ou pós-graduação na área de Educação e experiência mínima de oito anos no magistério, sendo que dos quais três anos em gestão educacional.
 
A remuneração inicial para o cargo é de R$ 4.350,59. O valor inclui salário base de R$ 3.356,59 e gratificação de R$ 994, já considerando o reajuste de 7% concedida pela lei complementar 1.317, sancionada em 22 de março.
 

Concurso já tem bibliografia publicada

 
Autorizado em março deste ano, o concurso SEE-SP para supervisor de ensino já possui bibliografia e legislação que serão cobradas nas provas. Além de trazer uma série de assuntos que serão abordados no conteúdo programático do edital, o documento, publicado no dia 7 de agosto no Diário Oficial, também apresenta as competências do cargo.
 
Os supervisores podem atuar em setores pedagógicos e administrativos da Diretoria de Ensino, Recursos Humanos e acompanhamento do projeto pedagógico nas Unidades de Ensino, bem como realizar visitas a outros municípios.
 

Clique e confira a bibliografia do concurso SEE-SP

 

Último concurso SEE-SP

 
Realizado em 2008 e organizado pelo Instituto Cetro, o último concurso para supervisor de ensino da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo ofereceu 372 vagas e registrou 24 mil inscritos.
 
Os candidatos tiveram que realizar prova de conhecimentos sobre formação básica específica do supervisor, dividida em duas partes: a primeira foi constituída por uma avaliação objetiva com 80 questões e a segunda por uma prova dissertativa, com 4 questões. Os candidatos foram submetidos ainda a avaliação de títulos, com limite de 10 pontos.
 

Outras Notícias