• Por: Yuri Salso - Publicado em 01/08/2018 11h30 - Atualizado em 01/08/2018 13h10

Após publicação da portaria autorizando um novo concurso público para 167 vagas de oficial administrativo na Secretaria Estadual de Educação (SEE-SP), a seleção voltou a apresentar novidades nesta terça-feira, 31 de julho. Desta vez, foi publicado no Diário Oficial do Estado que a Secretaria definiu a comissão especial responsável por organizar todas as etapas do concurso.
 

Além disso, em cerimônia realizada no Palácio dos Bandeirantes no último dia 3 de julho, o governador Márcio França anunciou investimento para a rede estadual de educação, e informou que o edital do concurso SEE-SP para oficial administrativo será publicado em setembro. O próximo passo agora é a definição da banca organizadora, o que deve acontecer ainda em agosto.
 

O cargo de oficial administrativo exige o nível médio de escolaridade. A remuneração inicial é de R$ 1.339,29, em caso do prêmio de desempenho individual (PDI) de 50%, ou de R$ 1.535,94, com PDI de 100%.

 

Último concurso oficial administrativo SEE/SP


SEE-SP realizou seu último concurso para oficial administrativo em 2011. As 1.203 vagas ofertadas foram lotadas na capital, Guarulhos, Campinas, Caieiras, Carapicuíba, Diadema, Itapecerica da Serra, Itapevi, Itaquaquecetuba, Mauá, Mogi das Cruzes, Osasco, Santo André, São Bernardo do Campo, Suzano, Taboão da Serra, Adamantina, Americana, Andradina, Apiaí, Araçatuba, Araraquara, Assis, Avaré, Barretos, Bauru, Birigui, Botucatu, Bragança Paulista, Capivari, Caraguatatuba, Catanduva, Fernandópolis, Franca, Guaratinguetá, Itapetininga, Itapeva, Itararé, Itu, Jaboticabal, Jacareí, Jales, Jaú, José Bonifácio, Jundiaí, Limeira, Lins, Marilia, Miracatu, Mirante de Paranapanema, Mogi Mirim, Ourinhos, Penápolis, Pindamonhangaba, Piracicaba, Piraju, Pirassununga, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Santo Anastácio, Santos, São Carlos, São João da Boa Vista, São Joaquim da Barra, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Roque, São Vicente, Sertãozinho, Sorocaba, Sumaré, Taquaritinga, Taubaté, Tupã, Votorantim e Votuporanga.

A responsável pela organização do concurso foi a Fundação Vunesp. Os candidatos fizeram uma prova objetiva com 80 questões de múltipla escolha sobre língua portuguesa, matemática, conhecimentos de informática e conhecimentos específicos.

Outras Notícias