Central de Concursos
  • Por: JC Concursos - Publicado em 31/12/2020 10h10
Foto: Divulgação

Como anunciado na última quarta-feira, 30 de dezembro, pelo  diretor-executivo da PRF, José Lopes Hott Junior, a banca organizadora do novo  concurso PRF (Polícia Rodoviária Federal) foi oficialmente anunciada nesta quinta, dia 31, último dia do ano. A escolhida, como já era esperado, é o Cebraspe. Com isto, a publicação do edital de abertura de inscrições depende apenas da assinatura do contrato, que deve ocorrer nos próximos dias, uma vez que a intenção é iniciar o certame ainda em janeiro.

Vale ressaltar que, no próximo dia 6 de janeiro, Hott deve realizar um evento para anunciar o cronograma oficial da seleção, incluindo data de publicação do edital e aplicação das provas.

O concurso contará com uma oferta de 1.500 vagas para o cargo de policial rodoviário, mas a intenção é de que sejam convocados mais 500 aprovados durante o prazo de validade, no sentido de completar as 2000 oportunidades inicialmente anunciadas pelo presidente Jair Bolsonaro. Vale ressaltar que o documento publicado nesta quinta especifica que, além das oportunidades iniciais, a seleção também será para formar cadastro reserva de pessoal. 

Para concorrer é preciso possuir formação de  nível superior em qualquer área, além de carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial  é de R$ 10.357,88, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458,00. 

Concurso PRF: último edital

último edital do concurso PRF para policial rodoviário federal, realizado em 2018, contou com uma oferta de 500 vagas, sendo organizado pelo Cespe/UNB, atual Cebraspe. A seleção contou com provas objetivas, dissertativas, exames de capacidade física, exames de saúde, avaliação psicológica análise de títulos, investigação social e curso de formação.

A parte objetiva contou com 120 itens, versando sobre língua portuguesa, raciocínio lógico-matemático, informática, noções de física, ética no serviço público, geopolítica brasileira, legislação de trânsito, noções de direito administrativo, noções de direito constitucional, noções de direito penal e processual penal, legislação especial e direitos humanos e cidadania.

No caso de agente administrativo, o último concurso PRF foi em 2014, sendo organizado pela Funcab. A prova objetiva contou com 60 questões, sendo 12 de língua portuguesa (com peso dois), 6 de ética e conduta pública (1), 6 de raciocínio lógico (1), 6 de noções de direito constitucional (1,5), 6 de direito administrativo (1,5), 6 de noções de administração (1,5), 6 de noções de arquivologia (1,5), 6 de noções de informática (1,5) e 6 de legislação relativa à PRF (1,5). O concurso também contou com perícia médica e investigação social

O concurso PRF foi dividido em duas fases, sendo que a primeira foi dividida em várias etapas:

1ª fase: Prova objetiva e Discursiva; Exame de capacidade física; Avaliação de Saúde
Avaliação psicológica; Avaliação de títulos; Investigação Social

2ª fase: Curso de Formação Profissional.

Curso preparatório concurso PRF

Pensando na sua preparação para o novo concurso PRF, a Central de Concursos montou um curso preparatório completo para o cargo de policial rodoviário federal. É a chance de você de preparar para conquistar estabilidade financeira e profissional com a equipe de professores mais experiente do mercado.
 

Resumo do Concurso PRF

PRF - Polícia Rodoviária Federal
Vagas: 1.500
Banca Organizadora: Cebraspe
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: policial rodoviário
Áreas de Atuação: Segurança Pública
Escolaridade: Ensino Superior
Faixa de salário: R$ 10.357,88
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias