Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 23/11/2020 16h18 - Atualizado em 23/11/2020 17h20
Concurso INSS: Pedido de nova seleção para preenchimento de 7.888 vagas

Cresce a expectativa pela realização de um novo concurso INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Embora o órgão tenha anunciado, no primeiro semestre, que não enviou novo pedido de autorização em 2020 ao Ministério da Economia, documento divulgado pela imprensa confirma uma solicitação encaminhada em 12 de maio para o preenchimento de vagas para a carreira de médico perito. Para concorrer ao cargo é exigido formação de nível superior em medicina e registro no respectivo conselho regional, com remuneração inicial de R$ 8.988,41, já considerando auxílio-alimentação de R$ 458.  

No primeiro semestre, o órgão chegou a anunciar que o um próximo pedido somente deverá ser encaminhado em maio de 2021, após levantamento da necessidade de pessoal. Porém, documento da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho em resposta a um questionamento da Procuradoria Geral da República em Sete Lagoas, em Minas Gerais, confirma, sim, envio de novo pedido em 2020, ao menos para o cargo de perito. O questionamento ocorreu com base na aposentadoria, em 25 de março, do único servidor do cargo na localidade. Com isto, desde então o trabalho não vem sendo realizado no município por falta de perito.   

Embora o documento não indique o total de vagas do pedido, a última solicitação oficial, confirmada em 2019, contemplava 2.112 vagas para a carreira.

LEIA TAMBÉM:


Concurso INSS:  saiba como foi a última solicitação

O último pedido autorização para o concurso INSS, enviado em 2019 para o Ministério da Economia, foi para 7.888 vagas, sendo 3.984 para o cargo de técnico, 1.692 para analista (diversas formações) e 2.212 para perito.
   
A carreira de técnico do seguro social é uma das mais visadas no processo seletivo do INSS, ainda mais que exige apenas ensino médio completo e apresenta salário inicial de R$ 5.344,87, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458.

O emprego de analista do seguro social exige formação superior em diversas áreas de atuação (incluindo serviço social, administração, engenharia, direito, pedagogia, psicologia, comunicação, ciências sociais, arquitetura e letras, entre outras), sendo que a remuneração corresponde a R$ 7.954,09 por mês, contado o benefício alimentação.

Já a posição de perito médico previdenciário destina-se aos profissionais com graduação em medicina e registro no respectivo conselho regional. O inicial é de R$ 8.988,41, também contando com o valor do auxílio.

Concurso INSS: editais podem passar a sair com maior frequência

Embora ainda não exista uma confirmação do novo concurso INSS, é possível que novos editais passem a ser divulgados com menor intervalo de tempo. Acontece que um grupo de servidores tem elaborado um plano de reestruturação, com previsão de publicar editais regularmente, dentro de prazos mais enxutos, a cada dois anos.

O objetivo do grupo é estabelecer critérios que permitam reforçar a importância da autarquia para a sociedade. Embora o grupo trabalhe de forma independente, desde 2019, conta com apoio de entidades de classe, como a Associação Nacional dos Membros da Carreira do Seguro Social (ANACSS).

De acordo com o grupo, a realização de novos concursos a cada dois anos poderia ser feito com prévio dimensionamento da força de trabalho, de acordo com  moldes da Secretaria de Gestão de Pessoas do antigo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, tendo em vista as limitações orçamentárias.

Edital do último concurso INSS foi publicado em 2015

O último concurso INSS foi realizado em 2015 e já teve a sua validade expirada. A seleção foi para preenchimento de 950 oportunidades nos cargos de técnico (800 vagas) e analista (150), e teve o Cebraspe (antigo Cespe/UnB) como banca organizadora.

Os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva com 120 questões. Para técnicos, a prova contou com perguntas sobre Ética no Serviço Público, Regime Jurídico Único, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Noções de Informática e conhecimentos específicos. Já para os analistas, a avaliação foi composta de questões sobre Português, Raciocínio Lógico, Noções de Informática, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Legislação Previdenciária, Legislação da Assistência Social, Saúde do Trabalhador e da Pessoa com Deficiência.


Curso concurso INSS

A Central de Concursos oferece curso preparatório para aqueles que desejam ingressar na carreira de técnico do INSS.

Os cursos e materiais didáticos são produzidos de acordo com os editais já publicados, levando em conta a provável banca organizadora. As aulas são planejadas para abordar todos os assuntos necessários e os professores, a todo tempo, oferecem dicas e macetes para garantir que você lembre do que aprendeu.

Não perca a oportunidade de se preparar com quem tem o material didático mais completo do mercado e uma equipe de professores preparada para ajudar você a conquistar seu objetivo.

Saiba mais sobre os cursos preparatórios para técnico do INSS:


Resumo do Concurso INSS - Técnico, Analista e Perito

INSS
Vagas: 7.888
Taxa de inscrição: Não definido
Cargos: Técnico, Analista, Perito
Áreas de Atuação: Administrativa
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Técnico, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 5.344,00 Até R$ 8.988,00
Estados com Vagas: AC, AL, AM, AP, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI, PR, RJ, RN, RO, RR, RS, SC, SE, SP, TO

*Com informações do JC Concursos
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias