Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 16/09/2016 11h06 - Atualizado em 16/09/2016 16h03

Após ter divulgado o resultado do seu concurso público, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) enfrenta uma grande pressão para começar a admitir os novos servidores. Uma comissão formada por 5 mil membros entregou ao presidente do órgão, Leonardo de Melo Gadelha, um dossiê para comprovar a necessidade das convocações.

No documento, que tem dados fornecidos pelo governo federal, por meio do Serviço de Informação ao Cidadão, consta que existem 18.971 cargos vagos no INSS e que apenas o número de aposentadorias pós-edital representa mais da metade da quantidade de vagas oferecidas no concurso. Também há a informação de que foram 3.312 os aprovados, sendo 2.678 técnicos e 634 analistas.

 

Validade do concurso e vagas adicionais

 

Devido à carência, outras reivindicações do grupo são a ampliação do prazo de validade do concurso e o adicional de 475 excedentes (400 técnicos e 75 analistas) assim que os aprovados forem chamados, informação garantida por Gadelha. Ele também confirmou que pedido para contratação dos classificados já tramita no Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG), com expectativa de autorização até o fim de 2016.


Se o aumento de vagas for aprovado, o INSS continuará cobrando mais nomeações, que ocorreriam por meio de despachos presidenciais, conforme aconteceu no último concurso em 2011, afirmou Leonardo Gadelha.


Além do documento, há um abaixo-assinado com todas essas reivindicações da comissão com mais de 4 mil assinaturas. A deputada federal Simone Morgado (PMDB-PA) e o senador Paulo Bauer também estão apoiando o comitê. Simone solicitou informações ao MPOG sobre a chamada de excedentes da disputa e Paulo Bauer já enviou um ofício à presidência do INSS, solicitando a mudança do prazo de validade.

 

Concurso INSS 2016


Cebraspe foi responsável por organizar o processo seletivo que contou com 813.706 candidatos que fizeram a prova objetiva no dia 15 de maio.

As 950 vagas para o concurso INSS 2016 foram divididas da seguinte forma: 800 de técnico do seguro social, de nível médio, e 150 de analista do seguro social, para graduados em nível superior. O técnico tem remuneração inicial de R$4.768,90, que, após seis meses de trabalho, passa para até R$5.413,90. Os analistas, por sua vez, ingressam recebendo R$7.014,05, valor que, depois de seis meses, sobe para até R$8.050,25.
 

blog

Outras Notícias