Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 25/11/2021 10h03 - Atualizado em 25/11/2021 11h21
Concurso Ibama 2021 (Foto: Divulgação)

Saiu no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 25, a portaria autorizativa assinada pelo secretário especial de desburocratização, gestão e governo digital do Ministério da Economia, Caio Mário Paes de Andrade, que permite o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis reduzir o intervalo entre o edital e provas do próximo concurso Ibama de quatro para dois meses.

O Decreto 9.739/19 prevê que os órgãos públicos federais realizem as provas somente quatro meses depois do lançamento do edital. Porém, mediante autorização do Ministério da Economia, eles podem reduzir esse período. 

Isso aconteceu, por exemplo, nos recentes concursos da Polícia Federal, Polícia Rodoviária (ambos já realizados), da Controladoria-Geral da União (com edital prestes a sair) e também com o outro órgão ambiental que teve concurso autorizado no mesmo dia que o Ibama: o Instituto Chico Mendes de Conservação e Biodiversidade (ICMBio).

Sendo assim, caso o Ibama divulgue o edital em dezembro deste ano, por exemplo, as provas poderão ser aplicadas já no mês de fevereiro. Para o Ibama, essa redução contribui para que o órgão possa reduzir o seu déficit de servidores de forma mais rápida.

LEIA TAMBÉM:
Concurso ICMBio: reduzido intervalo entre edital e provas

Concurso Ibama está no processo de escolha do organizador

Porém, para que tudo ocorra da forma mais célere possível, o Ibama não poderá demorar na escolha da banca organizadora e na assinatura do contrato com a mesma, etapas que tradicionalmente antecedem a publicação do edital. Até porquê, o Ministério da Economia estabeleceu um prazo de seis meses após à autorização do concurso para que o Ibama publique o edital.

De acordo com o órgão, sete empresas da área de concurso público apresentaram suas propostas até a data limite (29 de outubro) para organizar as fases de avaliação para o Ibama. São elas:

• Cebraspe;
• Fundação Getúlio Vargas (FGV);
• Iades;
• Instituto AOCP (essa banca não constava na lista de banca divulgada pelo Sistema Eletrônico de Informações);
• Ibade;
• Idecan;
• Instituto Mais.

Em breve, o Ibama deverá anunciar a vencedora desse processo de licitação. O ICMBio, por exemplo, já escolheu e oficializou a contratação do Cebraspe como organizador da seleção de 171 vagas, deixando os concurseiros mais próximos do edital. E essa foi a mesma banca organizadora do último concurso Ibama, realizado em 2014 para analista administrativo.

Ibama oferece oportunidades para cargos de nível médio e superior, com ganhos de até 8,5 mil

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis recebeu o aval do Ministério da Economia para preencher 568 vagas, quantitativo menor do que o foi solicitado: 2.348 vagas. Além disso, o cargo de técnico administrativo (nível médio), que previa abertura de 954 vagas, ficou de fora dessa seleção

Dos cargos contemplados, um exige nível médio de escolaridade: técnico ambiental, com 432 vagas oferecidas. A remuneração é de R$4.063,34, já estando inseridos o auxílio-alimentação de R$458 e a gratificação de desempenho de R$1.382,40.

Para os concurseiros que já tiverem em nível superior, as oportunidades serão destinadas aos cargos de analista ambiental (96 vagas) e analista administrativo (40 vagas). A remuneração mensal chega a R$8.547,64, também com o auxílio-alimentação incluso. Os novos profissionais serão contratados pelo regime estatutário, que garante estabilidade no cargo.

Saiba como foram os últimos concursos Ibama

Os últimos concursos Ibama com vagas para os cargos de técnico administrativo, analista ambiental e analista administrativo foram realizados entre os anos de 2012 e 2014. As carreiras foram contempladas em editais distintos, todos eles com o Cebraspe como banca organizadora.

Todos os candidatos foram avaliados por meio de uma prova objetiva. Para os cargos de analista houve, ainda, a aplicação de uma redação.

As provas objetivas foram compostas por 50 questões de múltipla escolha sobre diversas disciplinas, com a distribuição variando de acordo com o cargo. Foram cobrados conteúdos sobre Língua Portuguesa; Noções de Informática; Atualidades; Matemática; Ética no Serviço Público; Noções de Direito (Constitucional e Administrativo); Legislação do Setor de Meio Ambiente (Ibama); Noções de Administração, Orçamento, Finanças e Contabilidade Pública; Noções de Gestão de Pessoas; Administração de Recursos Materiais; e Noções de Arquivologista.

Ficha Técnica Concurso Ibama 2021

Órgão: IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis
Status: Concurso autorizado
Vagas: 568
Cargos: Técnico Ambiental, Analista Ambiental e Analista Administrativo
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Remuneração: até R$ 8.547,64
Abrangência: Nacional
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias