Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 19/04/2016 17h08 - Atualizado em 25/04/2016 09h20
Foi publicado, na última sexta-feira (22), o edital de abertura do concurso público da Fundação Nacional do Índio (FUNAI). As inscrições serão realizadas exclusivamente via internet, pelo site da Escola de Administração Fazendária (ESAF), banca organizadora do processo seletivo, no período compreendido entre 10 horas do dia 02 e 23h59min do dia 16 de maio de 2016. As taxas de inscrição variam entre R$100 e R$120, de acordo com o cargo escolhido.
 
 
No total, o concurso oferecerá 220 vagas para cargos de nível superior. As oportunidades estão divididas entre as funções de indigenista especializado (202 vagas), engenheiro (7), contador (6) e engenheiro agrônomo (5). A remuneração inicial para os cargos de indigenista e contador é de R$5.803,02. Já os cargos de engenheiro oferecem iniciais de R$6.788. Ambos os vencimentos já incluem gratificações e R$458 de auxílio-refeição. 
 
As vagas serão distribuídas por unidades da FUNAI presentes em capitais e interiores, preferencialmente nos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima.
 
O processo seletivo será composto por provas objetivas, previstas para o dia 7 de agosto de 2016. Os exames terão 100 questões de múltipla escolha sobre conhecimentos gerais (língua portuguesa, raciocínio lógico e quantitativo, direito constitucional e administrativo, legislação indigenista, informática básica e administração pública) e conhecimentos específicos. Os aprovados nesta fase serão convocados para a realização de provas discursivas, em data ainda não divulgada.
 

Edital Funai 2016

 

ESAF definida como banca organizadora

 
Por meio da Portaria nº 337, publicada nesta terça-feira (19), no Diário Oficial da União (DOU), a ESAF foi definida como organizadora do concurso da Fundação Nacional do Índio (FUNAI).
 

Último concurso FUNAI

 
O último concurso da FUNAI aconteceu em 2010 e contou com a Cetro Concursos como banca organizadora. Na oportunidade, 425 vagas foram distribuídas entre os estados do Amazonas, Acre, Roraima, Rondônia, Amapá, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Maranhão, Goiás, Minas Gerais, Pará, Espírito Santo, Brasília e Bahia. 
 
Os candidatos passaram por provas objetivas com questões de Língua Portuguesa, Conhecimentos Gerais e Conhecimentos Específicos. O concurso também contou com uma etapa de redação e teste prático, este somente para auxiliar em indigenismo.
 
Confira abaixo a portaria publicada no Diário Oficial da União:
 
PORTARIA Nº 337, DE 18 DE ABRIL DE 2016
 
O PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO - FUNAI, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Estatuto da Fundação, aprovado pelo Decreto Presidencial nº 7.778, de 27 de julho de 2012, e considerando o contido na Portaria nº 452, de 20 de outubro de 2015, publicada no Diário Oficial da União do dia 22 de outubro de 2015, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão - MP, resolve:
 
Art. 1º Delegar competência ao Diretor-Geral da Escola de Administração Fazendária (ESAF), do Ministério da Fazenda, para realizar o concurso público destinado ao provimento de 202 (duzentos e dois) cargos de Indigenista Especializado(a), 7 (sete) cargos de Engenheiro(a), 5 (cinco) cargos de Engenheiro(a) Agrônomo(a), e 6 (seis) cargos de Contador(a) para o Quadro de Pessoal da Fundação Nacional do Índio, objeto do Processo nº 08620.006402/2015-17.
Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.
JOÃO PEDRO GONÇALVES DA COSTA
 
blog

Outras Notícias