Central de Concursos
  • Por: JC Concursos - Publicado em 15/06/2020 17h33 - Atualizado em 15/06/2020 18h40
Foto: Divulgação / Trânsito Web

Tramita, na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), o projeto de lei complementar 12/2020, que tem por objetivo prorrogar o prazo de contratação de funcionários temporários que ocupam cargos de confiança no Detran SP (Departamento de Trânsito de São Paulo), por não haver pessoal disponível para ocupar as funções permanentemente. Vale ressaltar que a autarquia ainda conta com concurso em validade, iniciado em 2019.    

De acordo com a proposta do governador, apresentada no último dia 11 de junho, a "medida tem como objetivo prorrogar o quadro de empregos públicos em confiança de direção e supervisão, temporário, previsto no ar­tigo 4º das Disposições Transitórias da Lei Com­plemen­tar nº 1.195, de 17 de janeiro de 2013". Diz o texto: "Em 30 de junho de 2020, os referidos empregos públicos em confiança serão extintos. As vagas deixadas abertas deverão ser preenchidas por em­pregados públicos de carreira – agentes es­taduais de trânsito - com gratificação pró-la­bore. No entanto, o atual quadro de agentes estaduais de trânsito está muito aquém do neces­sário para a substituição dessas vagas de direção e supervisão. Por tal motivo, torna-se imperativo a prorrogação do prazo."

A proposta prevê 75% das vagas reservadas para servidores da carreira de oficial administrativo e servidores da classe de oficial de trânsito.

Ao todo, 326 contratos temporários serão encerrados em 30 de junho, podendo ser substituídos somente por concursados na carreira de agente estadual de trânsito.

De acordo com o texto, além disso, a lei complementar 1.195/2013 criou 1.400 empregos públicos desta carreira para substituir os servidores policiais civis que prestavam serviço no Detran-SP. "No entanto, o contingente nunca ultrapassou de 650 empregados. Atualmente há 570 vagas preenchidas e  estavam em fase de admissão 200 candidatos habilitados em concurso público. Contudo, mesmo com a admissão destes novos empregados, o contingente de agentes estaduais de trânsito está muito aquém do quadro criado por lei, o que impossibilita se preencher as diretorias técnicas das unidades de atendimento somente com integrantes desta carreira."

A intenção é prorrogar os contratos até 31 de dezembro de 2021, com validade da eventual lei, em caso de aprovação do projeto, a partir de 30 de junho.

O último concurso Detran SP, realizado em 2019, contou com um total de 150.545 inscritos, para a oferta de 400 vagas, sendo 200 para agentes e 200 para oficiais de trânsito. A banca organizadora, na ocasião, foi a Fundação Carlos Chagas.

LEIA TAMBÉM:

Saiba mais sobre os cargos autorizados no último concurso Detran SP


Sobre FCC - Fundação Carlos Chagas

Instituição de direito privado e sem fins lucrativos, a Fundação Carlos Chagas (FCC) concentra suas atividades em duas grandes áreas: pesquisa/educação e organização de concursos/processos seletivos. A banca pode ser contatada pelo telefone (11) 3723-4388, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h.

Resumo do Concurso Detran SP 2019

DETRAN SP - Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo
Vagas: 400
Taxa de inscrição: de R$ 45 a R$ 75
Cargos: Oficial, Agente
Escolaridade: Ensino Médio, Ensino Superior
Faixa de salário: De R$ 1.863,00 Até R$ 4.657,50
Organizadora: FCC
Estados com Vagas: SP
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias