Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 26/04/2016 13h37 - Atualizado em 26/04/2016 14h07
O concurso público da Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (PGE-RJ) voltou a ganhar destaque após reunião entre assessores e servidores do órgão para a definição de alguns detalhes que impedem a abertura do edital
 
Na reunião, foi confirmado que a Fundação Carlos Chagas (FCC) será a banca organizadora da seleção. O processo administrativo já foi encaminhado à Diretoria de Gestão (PG-12), setor que agora é o responsável por oficializar a escolha da banca e dar prosseguimento ao concurso. A divulgação do edital está prevista para acontecer entre o fim deste ano e o início de 2017.
 
As vagas abertas, todas visando à formação de cadastro reserva, serão para os seguintes cargos:
 
Técnico: técnico processual (nível médio), técnico contábil e técnico de sistemas de métodos (ambos de nível médio/técnico). Todos os cargos oferecem remuneração inicial de R$ 4.542 (já incluso auxílio-alimentação de R$ 682), podendo chegar a R$ 5.676 com titulação;
Analista: necessário nível superior na área de administração, contabilidade, análise de sistemas, biblioteconomia, medicina, comunicação social, direito, engenharia ou arquitetura. Os vencimentos são de R$ 6.382, podendo chegar a R$ 7.516.
 
No projeto básico do concurso, consta que a seleção ocorrerá por meio de prova objetiva para todos os cargos, com 60 questões de Português, Noções de Informática e Noções de Direito (Direito Administrativo, Direito Constitucional e Direito Processual) para a carreira de técnico, e 70 questões de Português e Conhecimentos Específicos para a carreira de analista. O processo seletivo para os cargos de analista também contará com prova de títulos.
 

Último concurso PGE-RJ

 
Realizado em 2009 e tendo a Fundação Carlos Chagas como organizadora, o último concurso da PGE-RJ recebeu candidatos para o cargo de técnico em diversas especialidades e contou com prova objetiva de 60 questões.
 
Quem quiser sair na frente e começar a se preparar para o próximo concurso, pode basear-se pelo conteúdo programático do último edital.
 
blog

Outras Notícias