Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 30/08/2021 16h03 - Atualizado em 30/08/2021 17h06
Foto: Divulgação

Novidades sobre o concurso CGU (Controladoria Geral da União)! Após a publicação, no último dia 27 de agosto, da portaria 10.352 autorizando a redução para dois meses do intervalo entre a divulgação do edital e a aplicação das provas da seleção, agora foi a vez do ministro da CGU, Wagner Rosário, revelar uma série de detalhes referente ao certame que ofertará 375 vagas.

Por meio de suas redes sociais, Rosário informou que as 375 vagas serão distribuídas pelo Distrito Federal (maior parte) e todos os estados da Região Norte. Segundo ele, serão contempladas as áreas de Auditoria, Fiscalização, Tecnologia da Informação, Finanças, Contabilidade Pública e Direito (provavelmente, são para a carreira de auditor).

A expectativa é de que, nas próximas semanas, seja anunciado o organizador do concurso, cujo edital está previsto para sair até dezembro. O ministro Wagner do Rosário não descartou a aplicação das provas este ano, mas falou, para um seguidor em seu Twitter, que o mais provável é que elas aconteçam no início do ano que vem: "É pouco provável (prova este ano). O mais prudente é dizer que será em janeiro ou fevereiro de 2022”.

Para técnico, os candidatos deverão passar somente por uma prova objetiva. Segundo Wagner do Rosário, para a carreira de analista, os concorrentes realizarão ainda uma redação (avaliação discursiva). As avaliações ocorrerão apenas nos estados onde houve vagas. Não haverá avaliação de títulos nem curso de formação.

O ministro ainda adiantou que a disciplina de Administração Orçamentária e Financeira deverá ser cobradas para todas as áreas. "Acho mais provável que exista a matéria de AFO como requisito de conhecimento específico para todas as áreas. Mas Contabilidade Geral deverá constar do edital de auditoria e fiscalização e contabilidade e finanças com certeza".

Concurso CGU já está autorizado

O concurso CGU, que foi autorizado pelo Ministério da Economia em 27 de junho, terá oferta de 75 vagas de técnico federal de finanças e controle e 300 de auditor federal de finanças e controle.

A carreira de técnico federal de finanças, com remuneração inicial de R$ 7.283,31, exige somente o ensino médio. Já o cargo de auditor fiscal de finanças e controle, com ganhos de R$ 19.197,06, exige nível superior. As contratações ocorrerão pelo regime estatutário, que assegura estabilidade.

Concurso CGU: saiba como foi a última seleção

O último concurso CGU ocorreu em 2008, quando foram oferecidas 400 vagas, sendo 220 para analistas e 180 para técnico de finanças e controle.

A banca foi a Esaf, com oportunidades para os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, além do Distrito Federal.

A parte objetiva contou com três provas, sendo uma de conhecimentos gerais para todas as áreas, uma de conhecimentos específicos comum para todas as áreas e outra de conhecimentos especializados.

Ficha Técnica Concurso CGU

Órgão: CGU - Controladoria-Geral da União
Status: Concurso autorizado
Vagas: 375
Cargos: Técnico Federal e Auditor Federal
Áreas de atuação: Administrativa e Fiscal
Escolaridade: Ensino Médio e Ensino Superior
Remuneração: até R$ 19.197,06
blog

Cursos

Apostilas

Outras Notícias