Central de Concursos
  • Publicado em 25/03/2014 00h00

data-cke-saved-src="/imagens/noticia/interna201.jpg"No último dia 14, uma sentença judicial determinou a anulação das questões 48 e 52 da prova do Detran  para o cargo de agente de trânsito.
Com isso, uma nova classificação da prova objetiva será gerada, e todas as etapas, a partir daí precisarão ser repetidas, como análise de títulos e perícias médicas, além de tornar inválida a classificação final divulgada pela Vunesp no último dia 7.
A decisão é válida para todos os candidatos que participaram da seleção para  o cargo, ou seja,   126.726 que se inscreveram   terão que aguardar um pouco mais pela homologação.
Até o momento não foi divulgado prazo para a conclusão do concurso.

Vunesp

Não é aprimeira vez que essa organizadora enfrenta uma situação na justiça. Em outubro do ano passado, uma liminar anulou a fase de títulos para agente, sob a alegação de que a contagem de títulos beneficiária candidatos que já trabalham no Detran. A decisão, porém, foi revogada.

blog

Outras Notícias