Central de Concursos
  • Publicado em 02/07/2012 11h44
O Banco Central deverá elaborar o quanto antes, pedido de concurso ao Ministério do Planejamento para que, até 31/8, o Executivo possa encaminhar ao Congresso para aprovação, a Lei Orçamentária Anual onde deverá constar o pedido de recursos para um novo concurso. Anteriormente a esse procedimento, a previsão de recursos deve estar incluída na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) – que serve de base para a Lei Orçamentária Anual – para o próximo ano. Com essa inclusão, o Planejamento já poderá autorizar o próximo concurso para técnico e analista do Banco Central que poderá acontecer ainda no segundo semestre.

Segundo o presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central, Sergio Belsito, o Planejamento tentaria aprovar o maior número de vagas possível, já para este ano, falou-se até em 1.500 vagas, distribuídas nesse próximo concurso e em dois próximos. Ainda de acordo com Belsito , o BC é uma das prioridades do governo com relação a concursos, tendo em vista a situação deficitária, devido as muitas aposentadorias – cerca de 4,5 mil – que deverão ocorrer até 2014.

O cargo de técnico exige apenas o nível médio e proporciona remuneração inicial de R$ 5.221,18, já o analista exige o superior e remuneração de R$ 13.264,77, ambos já incluem o auxílio-alimentação de R$ 304,00.

O último concurso do Banco Central ocorreu em 2009.
blog

Outras Notícias