Central de Concursos
  • Publicado em 31/07/2012 15h20
Alegando poder oferecer um número maior de vagas, o que é uma excelente notícia, o assessor da presidência do TJ-SP, juiz João Baptista Galhardo justificou o atraso na divulgação do edital, anteriormente previsto para julho para o cargo de escrevente do TJ-SP que exige apenas o nível médio e ainda complementou que aguarda para os próximos dias uma suplementação orçamentária que poderá possibilitar uma oferta maior que as mil vagas previstas. No concurso anterior (2010) a oferta inicial foi de 300 vagas e até o início de julho foram convocados 1.261 aprovados.

A carência de novos servidores é muito grande, principalmente na 1a. região (Grande São Paulo) que precisaria de, aproximadamente, dois mil novos escreventes, haja vista que a saída de funcionários é maior que a entrada. As demais regiões, que serão contempladas no edital, deverão ser: Araçatuba – Bauru – Campinas - \presidente Prudente – Ribeirão Preto – são José dos Campos – Santos – Sorocaba.

Remuneração/Conteúdo Programático
A remuneração já com os benefícios é de R$ 4.191,00. Os servidores contam com auxílio-alimentação (R$ 29/dia), auxílio transporte (R$ 6 por dias trabalhados) e auxílio saúde (R$ 66/mês). A prova está prevista para outubro e deverá seguir o mesmo formato do edital anterior, apenas com atualização na disciplina de Português, em razão da nova ortografia. Prova objetiva: 30 questões de Língua Portuguesa, 38 de Conhecimentos em Direito (Penal, Processual Penal, Processual Civil, Constitucional, Administrativo e Normas da Corregedoria Geral da Justiça) e 12 de Conhecimentos Gerais (Atualidades, Matemática e Informática). Os aprovados nesta fase seguirão para a prova de digitação, de caráter eliminatório, sendo necessário copiar um texto de aproximadamente 1.800 caracteres.

Uma Palavra de Incentivo
O juiz João Baptista Galhardo deixa aos interessados neste concurso uma palavra de ânimo e incentivo: “trabalhar no Tribunal de Justiça é muito dignificante e traz para o servidor uma condição de aprendizado excelente. Vários escreventes do Tribunal posteriormente bacharelado em Direito tornaram-se excelentes advogados, promotores e juizes. Espero que os futuros candidatos continuem estudando e se preparando. A nossa expectativa é que o concurso saia o mais rápido possível. Desejo a todos sorte e uma boa prova para ingressarem no judiciário paulista.”

Oportunidades para Nível Superior
O Tribunal de Justiça de São Paula já prepara concurso para nível superior, cujo edital deverá ser divulgado nos próximos dias. Trata-se de vagas para assistente social e psicólogo que deverá ter uma oferta, no total, de 200 a 300 vagas. Para os cargos serão necessários o nível superior na respectiva área o salário inicial é de R$ 4.165,62 com os mesmos benefícios de escrevente.
blog

Outras Notícias