• Publicado em 20/06/2012 16h19
Ancine – Agência Nacional do Cinema

O contrato com o Cesp, organizadora escolhida no último dia 13/6 para elaborar o concurso, deverá ser assinado nos próximos dias. Aguarda-se a divulgação do edital para o final do mês. Em princípio, serão 82 vagas de nível médio, sendo 57 para técnico administrativo e 25 para técnico em regulação e fiscalização da atividade cinematográfica e audiovisual. As remunerações vão de R$ 5.064 e R$ 5.288, incluindo R$ 304,00 de auxílio-alimentação para uma carga horária de trabalho de 40 horas semanais. A contratação é estatutária – garantia de estabilidade - .As vagas serão para a sede da Ancine no Rio de Janeiro.

Comece sua preparação com base nos últimos editais que também foram organizados pelo Cespe.


Anac – Agência Nacional de Aviação Civil

Não há grandes novidades nesse concurso após três meses de sua autorização.

O edital que estava previsto para neste mês, não tem ainda a definição da organizadora que irá realizá-lo. O Cespe foi a do último concurso. A oferta de 170 vagas contemplam o nível médio e superior: 20 técnico administrativo (médio), 45 técnico em regulação de aviação civil (médio), 30 analista administrativo (superior) e 75 especialista em regulação civil (superior). Com uma remuneração de R$ 5.064,18 e R$ 10.323,20, os aprovados serão contratados pelo regime estatutário. Não há definição também quanto aos estados que serão contemplados, no último concurso, realizado em 2009, as vagas oferecidas foram para o Rio de Janeiro, São Paulo e Distrito Federal.


Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações

A Anatel tem até o dia 27/6 para divulgar seu edital que selecionará 46 aprovados: 42 para técnico administrativo e quatro de analista administrativo. O primeiro exige nível médio e oferece remuneração de R$ 5.064,18, o segundo para o superior com ganhos de R$ 9.567,20 já incluído o auxílio-alimentação de R$ 304,00. Para analista, a Anatel deverá definir os requisitos e áreas que deverão ser exigidos. Preferencialmente, as vagas de técnico serão para Brasília, Minas Gerais, Alagoas, Goiás, Pará, Pernambuco e analista para São Paulo e Rio de Janeiro. A carga horária de trabalho é de 40 horas semanais sob o regime estatutário. O concurso visa à substituição de terceirizados irregulares.
blog

Outras Notícias