Central de Concursos
  • Por: Yuri Salso - Publicado em 30/05/2016 17h00 - Atualizado em 30/05/2016 18h11
A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) estão aguardando a autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para poder preencher o seu quadro de funcionários por meio de concurso público.
 
A ANTT tem até o dia 31 deste mês para enviar o seu pedido de 701 vagas e a ANEEL já fez a solicitação de 139 vagas para o Ministério de Minas e Energia (MME), órgão responsável por passar as informações ao MPOG.
 
No caso das duas autarquias, os pedidos são para as vagas de técnico administrativo (R$6.147), analista administrativo (R$11.529) e especialista (R$12.432). Para a ANTT, também há a requisição para o cargo de técnico em regulação (R$6.415).
 

Concurso ANTT

 
Ainda não se sabe como será feita a distribuição de vagas pelos estados, mas é certo que serão 296 oportunidades para técnico em regulação, 312 para especialistas, 49 para técnico administrativo e 41 para analista.
 
O último concurso ANTT foi organizado pelo Cebraspe (antigo Cespe/UnB), em 2013. A seleção foi feita por meio de uma prova objetiva com 120 questões sobre conhecimentos básicos e específicos, além de avaliação de títulos e exame discursivo para os cargos de nível superior.
 

Concurso ANEEL

 
Do total de oportunidades solicitadas pela ANEEL, 75 são para a função de técnico administrativo, 37 para analista administrativo e 27 para especialistas em regulação de serviços de energia. O MME não quis divulgar se já enviou o pedido para que ele seja incluído na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2017.
 
Em seu último concurso realizado em 2010 pelo Cebraspe, a Agência abriu 186 vagas para as mesmas carreiras. Os concorrentes fizeram uma prova objetiva com 120 perguntas e uma redação. Alguns cargos também exigiam testes com questões discursivas e avaliação de títulos.
 
blog

Outras Notícias