• Por: Yuri Salso - Publicado em 18/09/2018 12h43 - Atualizado em 18/09/2018 13h56

Concurso para policial rodoviário federal da PRF

Último entrave para a publicação do edital do concurso público para 500 vagas de policial rodoviário na Polícia Rodoviária Federal (PRF), a definição da escolha da banca organizadora deve acontecer nos próximos dias. De acordo com a PRF, sete bancas estão na disputa e as propostas já foram analisadas, mas ainda não houve um veredito final. Por conta da especialidade do caso e do caráter de urgência, a escolha será feita por meio de dispensa de licitação.

 

Atualmente, o processo de análise foi encaminhado para verificação da Advocacia-Geral da União (AGU). O objetivo é se precavar de eventuais contratempos legais, evitando questionamentos jurídicos posteriores sobre a contratação da banca. Após a análise, a AGU emitirá um parecer sobre o caso.
 

Os nomes das empresas que estão na disputa não foram divulgados pela Polícia Rodoviária Federal. Segundo a assessoria do órgão, os nomes só serão informados após o parecer da AGU, o que deve acontecer no período de 20 a 40 dias, com o edital sendo divulgado logo depois.

 

Andamento concurso PRF 2018

 
Anunciado em fevereiro após muita expectativa, o concurso PRF foi oficialmente autorizado no dia 27 de julho, quando foi publicada no Diário Oficial da União a portaria autorizativa. Recentemente, o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, chegou a informar que o edital de abertura seria publicado em setembro, o que dificilmente acabará acontecendo por conta do processo em andamento para definição da banca organizadora.
 

concurso PRF ofertará 500 vagas para o cargo de policial rodoviário federal. Os interessados em participar precisam ter curso superior completo em qualquer área e carteira nacional de habilitação (CNH) a partir da categoria "B". A remuneração atual é de R$ 9.931, passando para R$ 10.357 já em janeiro de 2019.

 

Atribuições do cargo

 

Entre as atribuições do cargo de policial rodoviário estão as seguintes atividades: preservar a ordem, a segurança pública e o patrimônio da União, por meio do patrulhamento ostensivo das rodoviais federais; atuar na prevenção de acidentes e realizar o atendimento a vítimas nas rodovias federais; realizar o policiamento, a fiscalização, e a inspeção do trânsito e do transporte de bens e pessoas; exercer os poderes de autoridade de trânsito, autuando infratores, cobrando e arrecadando multas; assegurar a livre circulação das vias, especialmente em casos de acidentes de trânsito, manifestações sociais e calamidades públicas; e realizar a escolta de autoridades nacionaos e internacionais, quando solicitado.

 

Último concurso PRF

 
Em 2013, a PRF lançou edital de concurso com 1.000 vagas para policial. Na ocasião, a banca organizadora foi o Cebraspe (antigo Cespe/UnB) e o processo seletivo constou de prova objetiva, exame discursivo, testes de capacidade física, avaliação de saúde, avaliação psicológica, investigação social e análise de títulos.
 
A prova objetiva apresentou 120 itens, sendo 50 de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos. Conhecimentos básicos contou com temas sobre língua portuguesa, matemática, noções de direito constitucional, ética no serviço público e noções de informática. Já em conhecimentos específicos as perguntas versaram sobre noções de direito administrativo, noções de direito penal, noções de direito processual penal, legislação especial, direitos humanos e cidadania, legislação relativa ao DPRF (Departamento de Polícia Rodoviária Federal) e física aplicada à perícia de acidentes rodoviários.
 
Clique aqui e confira o edital do último concurso PRF.
 

Curso preparatório

 
Quer ser policial rodoviário federal? Então faça sua matrícula no curso preparatório da Central de Concursos e conheça a metodologia da escola que mais aprova do Brasil.

 

Outras Notícias